OAB Volta Redonda

MEP-VR realizará debate entre os candidatos à presidência da OAB-VR

O Movimento Ética na Política de Volta Redonda (MEP-VR) convidou para o dia 11 de novembro, às 19h, os candidatos à presidência da OAB-VR, Rodrygo Vidal, Carolina Patitucci e Rodrigo Vitorino, para participarem do primeiro debate do tipo, dada a importância da instituição para o ambiente social e local.

— Dar visibilidade ao debate da eleição da OAB em Volta Redonda, é de certa forma conectá-la à ícones da advocacia do Brasil que fizeram história de coragem – Esperança Garcia, Luiz Gama, Ruy Barbosa, Evandro Lins e Silva, Sobral Pinto e tantos outros. Pessoas inspiradoras que provocaram nos jovens conselheiros(as) do MEP-VR a organizar o inédito debate entre os candidatos à presidência da OAB-VR —, pontuou José Maria da Silva, Coordenador-Geral do Movimento.

“Estamos felizes, o Conselho do Movimento aprovou a realização do debate e já fizemos os primeiros encaminhamentos. Está tudo certo para o debate, será, sem dúvida, um momento singular, exatamente por oportunizar os diferentes operadores do direito, as academias e também a comunidade estabelecerem parâmetros de ligação da advocacia com a sociedade.”, informou o Dr. Luiz Gustavo, conselheiro do MEP e da comissão de organizadora.

Gabriela Patrícia, também da equipe, acredita que todos confirmarão presença. – Acredito que até o dia 5 de novembro, todos convidados confirmem presença.”, infirmou Gabriela.

ESTRUTURA DEMOCRÁTICA E PARTICIPATIVA

O debate será transmitido ao vivo na página do facebook do MEP-VR e está estruturado em três blocos: participação da academia (UFF, UGB e UniFOA), através dos coordenadores de graduação em direito; participação do MEP-VR com proposições aos(à) candidatos(a); no terceiro bloco, com perguntas entre os presidenciáveis. A comissão do debate está com expectativa muito positiva da realização do debate:

“O MEP-VR acumulou experiências importantes com debates e painéis com candidatos a cargos públicos, a saber – candidatos ao Conselho Tutelar e à Prefeitura, experiências democráticas, que nos animam positivamente para que todos convidados(as) participem no dia 11 de novembro.”, comentou Davi Souza, Conselheiro do Movimento, que junto com o conselheiro Pedro Paulo Vidal, farão todo suporte logístico do evento.

Para Amanda Mattos, conselheira designada mediadora do debate, mesmo diante da ansiedade acredita que o debate irá transpor os ‘muros da advocacia’: — Não vou negar, aguardo com ansiedade. Contudo, com o apoio técnico da equipe, procurarei na linha da equidade e ética fazer o melhor para que o debate seja profícuo e respeitoso, e que sobretudo leve a comunidade a compreender que a advocacia precisa ser entendida como verdadeiro instrumento que faz justiça para todos(as). Transpor os ‘muros da advocacia’ é importantíssimo. — comentou Amanda, entusiasta da ciência do direito.

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.